Slide3 Pedra da Macela Lindas Cachoeiras

L’Étape Brasil by Tour de France em Cunha: Informações sobre a prova de 24 de setembro próximo

O L’Étape Brasil by Le Tour de France será realizado no dia 24 de setembro de 2017 pela terceira vez na cidade de Cunha (SP). O percurso é formado por estradas de pavimento perfeito em meio à paisagem das Serras do Mar, da Bocaina, da Mantiqueira e da Quebra-Cangalha, região estrategicamente localizada próxima às divisas dos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

Este ano os participantes da prova poderão escolher entre as seguintes opções de percurso:
Percurso Completo
São 112 km com 2.870 metros de altimetria acumulada. Os ciclistas largarão em Cunha (SP), com 890 metros de altitude, em direção à divisa com o Rio de Janeiro (1.529 m). A primeira parte, com 28 km, é formada praticamente por subidas. Após voltar à cidade, os ciclistas irão em direção ao distrito de Campos Novos e voltarão rumo à chegada na Praça da Matriz, no centro de Cunha.
Confira as principais subidas:

1ª – Subida da saída de Cunha: 3,9km a 5,07% de inclinação média;
2ª – Subida base da Pedra da Macella: é um dos grandes desafios da competição. São 4,4km com 7,34% de inclinação média, muito semelhante às montanhas da França;
3ª – Subida da Divisa: a parte mais forte da prova. São 3,94km e 471m de ascensão com cerca de 11,95% de inclinação. Essa parte da prova é similar às montanhas do Giro d’Italia e da Vuelta a España;
4ª – Subida do retorno para Cunha: o trajeto é praticamente de descidas, tendo uma única subida, que é curta e intensa: são 2km com 7,75% de inclinação média, mas com um pico rápido de 18%;
5ª – Subida da vista das 4 Serras: com 3,9km e inclinação média de 6,33%;
6ª – Subida do retorno de Campos Novos: com 1,4km a 6,93% de inclinação média e máxima de 14%.
7ª – Subida final: 1 km de subida a 6,2% de inclinação média.

Meio Percurso
Em 2017 o ciclista inscrito no L’Étape Brasil by Le Tour de France pode mais uma vez optar por pedalar na modalidade de Meio Percurso, com 54 km e 1.630 metros de ascenção. A largada também acontece próximo ao portal de entrada de Cunha, vai até a divisa entre os Estados de São Paulo e Rio de Janeiro e volta em direção à chegada na Praça da Matriz, no centro da cidade.

​Confira as principais subidas:​

1ª – Subida da saída de Cunha: 3,9km a 5,07% de inclinação média;
2ª – Subida base da Pedra da Macella: é um dos grandes desafios da competição. São 4,4km com 7,34% de inclinação média, muito semelhante às montanhas da França;
3ª – Subida da Divisa: a parte mais forte da prova. São 3,94km e 471m de ascensão com cerca de 11,95% de inclinação. Essa parte da prova é similar às montanhas do Giro d’Italia e da Vuelta a España;
4ª – Subida do retorno para Cunha: o trajeto é praticamente de descidas, tendo uma única subida, que é curta e intensa: são 2km com 7,75% de inclinação média, mas com um pico rápido de 18%.

Veja Também:

Localização
Gastronomia
Hospedagem
Festas e Eventos
« Voltar ⇑ Topo